Pakyta


Esta flor conecta a criança ao anjo da infância. Tem a forma de um anjo amarelinho com asinhas brancas. A essência protege das emoções dolorosas e profundas, amenizando os traumas sofridos. Deixa a criança transparente e invisível à visão dos agressores, quando em ambiente hostil. Diminui a ação de traumas no corpo físico e emocional (como, por exemplo, crianças vítimas de espancamento e violência sexual). Faz uma capa de proteção isolante do ambiente.

A Pakyta forma a proteção cristalina, endurecida, que deixa a criança à prova de choque. Liga-a ao reino angélico, mantendo a coordenação e integração com o Eu Superior, possibilitando dessa forma, que haja um crescimento integrado e equilibrado do plano físico, mental e emocional.

É um floral importante para trabalhar, tanto na criança como no adulto, o núcleo de abandono, medos e raivas reprimidos em situações de agressão física e emocional na infância. Ministra-se também durante a gestação, quando ocorre dificuldade dos pais, ou de um deles, em aceitar o bebê; em um ambiente emocional difícil ou ameaça de aborto.

  • Nome científico: Pachystachys lutea
  • Nome comum: Camarão amarelo
  • Família: Acanthaceae
  • Virtude: proteção; crescimento integrado; autoconfiança
  • Desarmonia: insegurança; falta de ancoramento materno/paterno; abandono.

pakyta
Foto da flor de Pakyta
pakyta
Solução-estoque de Pakyta